sexta-feira, outubro 10, 2008

e aí você está vivendo, fala sobre os problemas que parecem tão grandes, aquele caso que você não sabe se gosta de você, aquele seu projeto que foi rasgado e reformulado e rasgado novamente e que precisa estar pronto e perfeito em 23 dias, a sua casa um pouco desarrumada, o medo alheio, os seus medos, os seus amores, o que você queria que acontecesse se tivesse escolha.
e aí alguém te avisa que houve o fim, aquele definitivo, que te escapa e te paralisa, que te deixa impotente, que te faz ser só um cisco. e aí seu amigo está morto. seu amigo. e acabou.

Um comentário:

ferdi: disse...

Eu queria que esse seu post fosse só metáforas. Que triste. Oq aconteceu, Paulete?

Bjos!!