segunda-feira, setembro 01, 2008

drops de um monte de coisas

respirando com cuidado. pensando o tempo inteiro. um dia e meio sem internet quase me deu alergia. o interior de santa catarina é cor de rosa, tem cerveja e pizza baratas e todo mundo ama os meus óculos gigantescos. quando até os medos são os mesmos e tudo se resolve de uma forma tão, mas tão, mas tanto que. o interior de santa catarina é loiro e usa saltos, acorda sempre lindo e tem o sino da igreja anunciando a missa, anunciando o dia, anunciando a hora do almoço, anunciando tudo o tempo inteiro. estampa que é uniforme, vontades com sotaque. o celular consegue sinal num lugar onde não há sequer cobertura, até isso funciona. aí só resta mesmo tomar café e comer pão de queijo, over and over [já é tudo outra coisa]. o interior de santa catarina gosta de piercing e das minhas pífias habilidades como costureira. o que fazer com esses montes de sinceridades e diminutivos?

o hábito é o erro, difícil mesmo é quando não cai nenhum cisco nos nossos olhos.

[o que te paralisa?]

o trânsito contorna a nossa cama
reclama do nosso eterno espreguiçar

[samba e amor]

Um comentário:

Ferdi disse...

Deu vontade do interior de Santa Catarina. Ainda mais sabendo que lá também tem pão de queijo.
Seus óculos gigantescos são T-U-D-O!!!!
Bjos!